Estado

Deficiência

10/08/2012 - Estado

Prefeitura e empresa se unem para
inclusão da pessoa com deficiência

 

A Prefeitura de Estrela, por meio da Secretaria da Saúde e Assistência Social – Departamento de Assistência Social, em parceria com a empresa Vonpar, realizou recentemente encontro com os pais ou responsáveis por adolescentes e adultos portadores de deficiência. O intuito da reunião foi apresentar o Projeto de Inclusão do deficiente no mercado de trabalho, que tem como uma das parcerias a empresa Vonpar.

 

Através deste projeto, Estrela pretende encaminhar jovens e adultos para a qualificação profissional como aprendiz. O curso contemplará seis meses de aulas teóricas no SENAI e seis meses de estágio na Vonpar. Durante este período o deficiente receberá uma bolsa auxílio, inclusive para aqueles que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). A Secretaria da Saúde e Assistência Social dará o suporte técnico através de sua equipe, visando à permanência destes jovens no competitivo mercado de trabalho.

 

De acordo com a equipe do Departamento de Assistência Social, possibilitar melhorias no campo profissional para as pessoas com deficiência, com garantias e meios que favoreçam a inserção delas no mercado de trabalho, é ajudar a melhorar a auto-estima dos mesmos, mostrando a eles que ter alguma incapacidade física ou intelectual, não significa ser incapaz para o trabalho. Esse é um dos objetivos do Programa de Geração de Trabalho e Renda desenvolvido pelo Departamento de Assistência Social de Estrela.

 

Na foto, reunião do projeto que visa inclusão de deficientes no mercado de trabalho
Crédito: ILOCIR JOSÉ FÜHR

 

 


Leia Também

Começa nesta semana pagamento de R$ 500 por conta do FGTS

09/09/2019

Cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança

Inscrições para o 1º concurso de Aplicativos e Games das escolas estaduais terminam no dia 12

02/07/2019

Premiação inclui valor em dinheiro, medalhas e uma viagem


Receita Estadual intensifica em todo o Estado operações contra inadimplência do IPVA

03/06/2019

Depois de 60 dias em atraso, ocorre a inscrição em dívida ativa, quando há acréscimo de 5% sobre o valor do tributo não pago.

Pente-fino do INSS pega segurados de surpresa

08/11/2018

Nem todos os beneficiários são comunicados pelo INSS; Em pouco mais de dois anos, oito de cada dez auxílios-doença analisados foram suspensos