Estado

Imposto de Renda 2013

22/03/2013 - Estado

Prazo para declaração vai até o dia 30 de abril

 

Até o fim de abril, a Receita Federal espera receber 26 milhões de declarações do Imposto de Renda Pessoa Física, um milhão a mais que no ano passado. Neste ano, a correção da tabela de IRPF é de 4,5%. Assim, a faixa de isenção para o recolhimento do imposto de renda é de R$ 1.710,78.

 

José Nezmah, contador do escritório Martha Müller & Cia Ltda, de Estrela, diz que alguns cuidados devem ser tomados na hora da declaração. Ele relata que deve-se juntar todos os comprovantes de rendimentos, recibos e despesas que se teve em 2012. É preciso também guardá-los no prazo mínimo de cinco anos. 

 

O contador diz que gastos comuns também não podem ser esquecidos como os com cartão de crédito. Compra de imóveis, e mobília devem estar na lista. É preciso que todos os  gastos estejam compatíveis com o que foi recebido. 

 

Para quem tem dificuldade de entender a declaração, é preciso atenção aos detalhes devido à quantidade de documentação. Por isso, é indicado procurar  um contador. 

 

A contadora do escritório Zwirtes Contabilidade, Andreia Zwirtes Kich, alerta que atualmente é mais fácil errar na declaração. A Receita Federal tem inúmeros meios de cruzamento de informações. Ela diz que as declarações criadas para as pessoas jurídicas constituídas no Brasil são ferramentas de controle do Fisco, por exemplo: a que informa as operações imobiliárias efetuadas pelos contribuintes; a que informa as despesas médicas pagas pelos contribuintes; a que informa os rendimentos auferidos pelos contribuintes, inclusive os valores retidos sobre os referidos rendimentos. 

 

Por isso, o contribuinte que omite algum rendimento ou declara despesas maiores do que realmente gastou, ou que deixa de declarar a venda de um imóvel, tem grande chance de ter sua declaração retida, por cruzamento de informações. E, nesse caso, é do declarante a responsabilidade pela comprovação das informações prestadas ao fisco.  

 

 

Quem deve declarar

 

- Contribuintes que receberam em 2012 rendimentos tributáveis superiores a R$ 24.556,65.

-  Aqueles que receberam rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido acima de R$ 40 mil no ano.

- Quem obteve, em qualquer mês de 2012, ganho de capital na alienação de bens ou direitos ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias ou obteve receita bruta com a atividade rural superior a R$ 122.783,25.

- Quem teve posse de bens ou propriedade até 31 de dezembro de 2012 com valor superior a R$ 300 mil.

 

 

Entrega da declaração

 

A declaração poderá ser entregue pela internet ou em disquete nas agências da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil. Em caso de atraso na entrega ou não apresentação do documento, o valor mínimo da multa será de R$ 165,74 e o máximo de 20% do imposto devido. 

No ano passado, foram mais de 400 mil declarações em atraso. Para aqueles que guardaram o arquivo da declaração passada, pode-se importar os dados de cadastro e pagamentos efetuados, podendo realizar apenas a atualização dos valores. 

 

 

Andreia cita cuidados para a declaração:

 

- Valor do imposto retido na fonte: 

Todo imposto retido tem que ser declarado pela fonte pagadora à Receita Federal. Assim, qualquer divergência de valores é motivo para ser retida para análise. Para que isso não ocorra, o declarante deverá exigir da fonte pagadora o comprovante de rendimentos e imposto de renda retido na fonte;

 

- Despesas 

médicas: 

Altos valores declarados, incompatíveis com os rendimentos do declarante, são motivos que causam retenção na malha. 

 

- Aluguéis 

recebidos: 

A omissão dos rendimentos recebidos a título de aluguéis é comum, porém, é motivo de retenção da declaração na malha, por omissão de receita. 

 

- Variação patrimonial: 

O contribuinte deve observar a sua variação patrimonial referente ao ano-calendário de referência da declaração, que é a relação entre a renda declarada e os gastos e investimentos efetuados. Tal variação, se negativa, será motivo de questionamento por parte da Receita Federal. 


Leia Também

Começa nesta semana pagamento de R$ 500 por conta do FGTS

09/09/2019

Cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança

Inscrições para o 1º concurso de Aplicativos e Games das escolas estaduais terminam no dia 12

02/07/2019

Premiação inclui valor em dinheiro, medalhas e uma viagem


Receita Estadual intensifica em todo o Estado operações contra inadimplência do IPVA

03/06/2019

Depois de 60 dias em atraso, ocorre a inscrição em dívida ativa, quando há acréscimo de 5% sobre o valor do tributo não pago.

Pente-fino do INSS pega segurados de surpresa

08/11/2018

Nem todos os beneficiários são comunicados pelo INSS; Em pouco mais de dois anos, oito de cada dez auxílios-doença analisados foram suspensos