Vale do Taquari

DNIT/RS divulga seis novos controladores de fiscalização eletrônica nas Rodovias Federais no RS

13/09/2017 - Vale do Taquari

A Superintendência Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes no Estado do RS (DNIT/RS), divulga a localização de seis novos controladores
de fiscalização eletrônica nas Rodovias Federias no Estado (veja lista completa com localização e limite de velocidade, abaixo).
 A Autarquia salienta que a instalação dos equipamentos inicia no dia 12/09 (terça), e sua conclusão está prevista para o dia 22/09 (sexta-feira).
O órgão
está realizando melhorias na sinalização das rodovias por meio do programa BR Legal – que propõe a manutenção estruturada da sinalização viária. O DNIT/RS ressalta que os
trechos contam com sinalização, visando a orientação dos usuários, a qual será - inclusive - reforçada com a implantação dos equipamentos.

Confira abaixo os novos pontos:


BR-293/RS - Município: Capão do Leão
1) km:  14 e 14,42 
2) km: 15,46 e 15,68
Limite de Velocidade: 50 km/h

 

BR-386/RS - Município: Tio Hugo
3) km: 213,5 e 213,502
Limite de Velocidade: 50 km/h

 
BR-386/RS - Município: Soledade

4) km: 245,9 - 246,36
Limite de Velocidade: 50 km/h

 

BR-386/RS - Município:
 Nova Santa Rita

5) km: 435,385 e 435,5
Limite de Velocidade: 60 km/h

 

BR-285/RS - Município: Entre-Ijuís
6) km: 500,29 - 500,32
Limite de Velocidade: 50 km/h 


Leia Também

Frente fria derruba as temperaturas entre sexta e sábado

20/07/2018

Variação térmica entre sexta-feira e sábado pode chegar a 20ºC no Vale do Taquari

Até quinta-feira, tempo estia e sol brilha na região

18/07/2018

Máximas podem alcançar os 30ºC nesta quinta-feira, 19. Com o calor, na sexta, deve voltar a chover


Estradas do interior são recuperadas em Fazenda Vilanova

17/07/2018

Na última sexta-feira, o prefeito José Luiz Cenci esteve vistoriando os trabalhos de melhorias nas estradas do interior

Prefeitura de Fazenda Vilanova antecipa parcela do 13º Salário

17/07/2018

Segundo o prefeito, José Luiz Cenci, o adiantamento de 50% foi possível devido as economias realizadas no decorrer destes 18 meses de gestão