Estrela

Exigência para avançar

Emef Cônego Sereno Hugo Volkmer alcançou melhor nota entre as municipais de Estrela

31/10/2018 - Estrela

O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2017, divulgado este ano, trouxe destaque para a Escola Municipal de Ensino Fundamental Cônego Sereno Hugo Volkmer, que alcançou as melhores notas entre as municipais de Estrela. Dando sequência às reportagens nas melhores colocadas, o NG foi ouvir a receita da instituição.

A avaliação é aplicada nos alunos do 5º e 9º ano. “Somos exigentes com os anos iniciais e isso continua nos finais. Também incluímos o chamamento de pais, que se comprometem junto, porque se não tivermos o apoio deles em casa, nossa atuação aqui não adianta”, comenta a diretora, Ângela Maria Kuhn, sobre o resultado alcançado.

Ações

Para alcançar o bom índice, a diretora cita uma série de ações e projetos que são desenvolvidos, como o “Escola da Inteligência”, programa educacional que fortalece a educação socioemocional, fundamentado na teoria do escritor e médico Augusto Cury. “São usados livros do autor, como uma sequência de trabalhos que segue do 1º ao 9º ano, fazendo com que as crianças aprendam a lidar com suas emoções”, explica Ângela.

A questão familiar e de formação do corpo docente são pontos positivos a serem observados. “Nossos professores exigem. O currículo é igual para todos, mas temos uma comunidade muito boa, tentamos envolver muito as famílias. Além disso, a maioria dos nossos professores está há anos na escola, formando um vínculo e uma caminhada com os alunos, entendendo as necessidades de cada um. Isso é um ponto base para um bom resultado”, afirma.

Português e Matemática, que são as duas matérias avaliadas pelo índice, também contam com um diferencial. Mesmo que o currículo não se altere, a forma como os educadores apresentam o conteúdo interfere positivamente. “Nossa professora de Português tem facilidade em trabalhar atividades diferenciadas, mesmo que o assunto não mude, ela consegue criar, casando os assuntos. Ano passado eu fui professora de Matemática deles, e sou extremamente tradicional, cobro postura”, avalia Simone Noll.

Turno inverso

Além das atividades, o turno inverso que abrange do 1º ao 4º ano, e é coordenado pela professora Maria Eloisa Möllmann, complementa os ensinamentos aprendidos durante a manhã. “Esse momento é para fazer os temas e atividades extras. Eles têm projeto de xadrez, hora do conto, informática, artes, enfim, uma série de iniciativas que também contribuem para o desempenho”, explica Maria.

Cooperativas escolares

Felipe Augusto Pinheiro tem apenas 12 anos, mas já foi escolhido para presidir a CoopStar. O projeto “Cooperativas Escolares” é uma iniciativa do Sicredi Ouro Branco em parceria com a Prefeitura de Estrela, e visa a criação de associações de estudantes com a finalidade educativa, nas quais alunos são incentivados a desenvolver atividades econômicas, sociais e culturais em benefício dos jovens associados.
Na cooperativa da Emef, são produzidos pirulitos de chocolate, que são vendidos e o lucro revertido para diversas ações na escola. “Serei o próximo presidente da cooperativa, e eu gosto de participar, de estar envolvido com a escola, é um tempo muito bom da minha vida”, comenta o aluno.

Os índices

O Ideb é um indicador nacional que possibilita o monitoramento da qualidade da Educação por meio de dados concretos, que é calculado a partir de dois componentes: a taxa de rendimento escolar (aprovação) e as médias de desempenho nos exames aplicados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Emef Cônego Sereno Hugo Volkmer
5º ano: 6,7
Meta para 2017: 7,1
9º ano: 6,4
Meta para 2017: 6,4

Entre as municipais de Estrela, a escola foi a melhor nos índices. Se consideradas as estaduais, a Emef empata com a Escola Estadual de Educação Básica Vidal de Negreiros, no índice do 5º ano, mas no 9º teve melhor resultado.


Leia Também

Beneficiários do Bolsa Família de Estrela têm primeiros encontros

16/01/2019

Atividade inédita promovida pela Sedesth de Estrela busca passar orientações diversas vinculadas ao programa

Programa Colônia de Férias segue com inscrições abertas

15/01/2019

Temporada de jogos, brincadeiras e outras atividades de lazer ocorrerá de 21 de janeiro a 1º de fevereiro. Vagas limitadas


Falta de água e consertos preocupam

11/01/2019

Moradores relatam descaso da Corsan com o frequente desabastecimento e com obras de reparos em via pública

Projeto Verão: ainda dá tempo!

11/01/2019

Profissionais da saúde falam dos benefícios da prática de atividades físicas aliadas à alimentação saudável