Estrela

Na expectativa pelo wi-fi nos centros comunitários

M2P2 deve instalar ao menos um aparelho de hotspot em cada um dos salões

01/03/2019 - Estrela

Desde 2015 a empresa M2P2 é a responsável pela internet e a telefonia no interior de Estrela. No contrato, firmado com a prefeitura, uma cláusula prevê que a concessionária instale ao menos um ponto de wi-fi em cada um dos mais de dez salões comunitários para acesso com dispositivos móveis que garanta, no mínimo, 50 conexões simultâneas.

Na última semana, o vereador Márcio Mallmann (PP) protocolou um pedido na Câmara de Vereadores indicando que o Executivo solicite o cumprimento da cláusula. Foi a partir disso que o presidente da Comunidade São Pedro Apóstolo, de Delfina, Oscar Plentz, tomou conhecimento da situação. “Eu não sabia de nada disso, mas se consta no contrato, precisa ser cumprido”, comenta. “Nas comunidades em que estou diretamente inserido, nenhuma tinha conhecimento” disse o vereador.

O tesoureiro da São Pedro Apóstolo, Guilherme Petter, afirma que a internet hoje em dia é essencial e que irá ajudar a comunidade. “Mas também precisará de um aparelho muito bom para que 50 pessoas possam acessar ao mesmo tempo”, comenta.

O que diz a Prefeitura

A Prefeitura de Estrela afirmou que o município fiscaliza a execução do contrato como um todo, gerenciando os aspectos principais como a disponibilidade do serviço e analisando a demanda da comunidade. Não há servidor exclusivo para acompanhar um único contrato, e a medida que se vão sendo revistas as informações repassadas pela comunidade, o município vai fazendo o acompanhamento com a empresa. “Vamos verificar e cobrar da concessionária”, disse a secretaria da Fazenda, pasta responsável pelo contrato.

O secretário Henrique Lagemann ressalta que todas as demais cláusulas do contrato foram cumpridas pela empresa e que, sobre a questão da disponibilidade da internet, a comunidade terá de pagar pela internet, pois no contrato diz que a empresa deve fornecer o aparelho. O vereador Mallmann diz que este assunto ainda será motivo de conversa, pois o entendimento dele é que a empresa deve fornecer também a internet, gratuitamente.

O que diz a M2P2

O diretor de mercado da M2P2, Alexandre Duarte, informa que o primeiro passo é entender que hotspot wi-fi e internet são duas coisas totalmente diferentes. O hotspot wi-fi é um aparelho, cuja função é a distribuição de sinal de internet ou a formação de uma rede de computadores, sejam eles móveis ou não. Está previsto em contrato, a instalação e configuração de tais aparelhos, em todos os salões comunitários, e não o fornecimento de internet gratuita pela M2P2 como foi aventado.

O segundo passo a ser entendido é que a prefeitura registrará as deficiências que porventura sejam identificadas, e, com ela, a M2P2 tratará dos assuntos. Sendo assim, a M2P2, vai definir o cronograma de instalação dos aparelhos com a prefeitura.


Leia Também

Governo de Estrela anuncia mais investimentos em pavimentação

22/05/2019

Município autorizou licitação para o calçamento de nove travessas no Bairro Imigrantes

Sulpetro promove reunião para revendedores em Estrela

21/05/2019

Postos de combustíveis poderão esclarecer dúvidas sobre mudanças no ICMS.


Jogos Germânicos de Estrela irão ocorrer sem a participação de animais

17/05/2019

Provas já estão sendo reformuladas pela equipe da SMEL

Homenagem aos municípios emancipados

17/05/2019

Especial 143 anos