País

PGR denuncia deputado Arthur Lira e pede perda de mandato

Conforme denúncia, o parlamentar aceitou R$ 106 mil de propina em 2012

03/04/2018 - País

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, apresentou na segunda-feira, dia 2, ao Supremo Tribunal Federal (STF) denúncia contra o deputado Arthur Lira (PP-AL), líder de seu partido na Câmara, na qual pede para que o parlamentar tenha o mandato cassado. Ele é acusado de lavagem de dinheiro e prevaricação.

Segundo a denúncia, Lira aceitou, em 2012, R$ 106 mil de propina em dinheiro vivo do então presidente da Companhia Brasileira de Transportes Urbanos (CBTU), Francisco Colombo, em troca da manutenção dele no cargo.

“Francisco Colombo, para se manter na presidência da CBTU, oferecia e pagava vantagens indevidas a Arthur Cesar Pereira de Lira para que este, na condição de deputado federal, líder do PP na Câmara dos Deputados, com a prerrogativa de fazer indicações para cargos em comissão, mantivesse-o naquele cargo como nomeação política da agremiação”, escreveu Dodge.

O advogado do deputado Arthur Lira, Pierpaolo Cruz Bottini, informou, em nota, que "não foi notificado da denúncia, mas reitera que já demonstrou à Polícia Federal a inexistência de qualquer fato criminoso".


Leia Também

Após três horas, grupo a favor de Lula desocupa triplex no Guarujá

16/04/2018

Representantes das polícias Civil, Militar, além de advogados fizeram uma vistoria prévia no apartamento

Inscrições para o Encceja começam hoje

16/04/2018

Prazo para fazer a inscrição termina no dia 27 de abril. As provas serão realizadas no dia 5 de agosto


MTST e Frente Povo sem Medo ocupam triplex atribuído a Lula

16/04/2018

Imóvel é o foco das investigações que levaram o ex-presidente à prisão

Senado aprova proposta que permite saque do FGTS a quem pede demissão

11/04/2018

O trabalhador que pedir demissão está mais perto de poder sacar integralmente o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).