Estrela

Prefeitura ingressa com ação judicial contra Corsan

Administração cobra que a estatal dê início aos investimentos previstos para Estrela

08/06/2018 - Estrela

Nos próximos dias, a Prefeitura de Estrela deve ingressar com uma ação judicial contra a Corsan, de acordo com o prefeito Rafael Mallmann. “Está nas mãos dos advogados”, fala. O processo é para que a estatal dê início aos investimentos na área do saneamento básico. Caso não ocorra, a intenção é bloquear os valores de custeio das obras. No mês passado, o descontentamento com a companhia foi explicitado pelos vereadores do município, em sessão do Legislativo.
Em 2014, a Corsan e a prefeitura firmaram um contrato de R$ 50 milhões de investimentos em 25 anos, na área do saneamento básico. No mesmo período, estão previstos R$ 15 milhões de investimentos em abastecimento. Entre os itens cumpridos, estão a pavimentação de dez mil metros quadrados de ruas danificadas, a garantia do abastecimento de água nos novos loteamentos e a redução da tarifa nos imóveis do município.

Leia a matéria completa na edição impressa do NG desta sexta-feira.


Leia Também

Apae relança campanha solidária

14/12/2018

Todos podem auxiliar com a quantia que puderem, por meio de débito em conta

Contribuição transformada em ação

14/12/2018

Valor devido à Receita Federal pode ser destinado a iniciativas e projetos que beneficiem entidades do município


Cartinhas de idosos podem ser adotadas na Vovolândia

14/12/2018

A entrega dos presentes será feita na Festa de Natal, no dia 22

Crianças dos Cemais vão para o Sesi

14/12/2018

Titular da Sedesth, José Itamar Alves, informou que os 119 alunos das duas unidades já têm vaga garantida