Estrela

Profissionais concursados marcarão o retorno às aulas

Atendimento nas escolas de Educação Infantil serão retomadas dia 4, já com novos professores e monitores

31/01/2019 - Estrela

A agenda da retomada das aulas na rede municipal de Educação em Estrela está definida. As primeiras a voltarem às escolas serão as crianças da Educação Infantil (Emeis), na segunda-feira, dia 4. Antes, já nesta sexta-feira, o corpo docente iniciará os trabalhos. Entre as novidades, a presença de 90 monitores e 18 professores, agora concursados. No próximo dia 20 será a vez dos estudantes do Ensino Fundamental (Emefs), também com mais de duas dezenas de novos profissionais vinculados ao município, voltarem às salas de aula.

De acordo com o secretário de Educação, Marcelo Mallmann, a melhora será significativa, apesar do quadro efetivo de profissionais não ter aumentado. "Apenas nas Emeis chega a 108 o número de profissionais que atuavam com contrato temporário ou eram estagiários, e agora estão de fato vinculados ao município", diz. "Além de reduzir a burocracia ao início de cada ano, que ocorria em razão da renovação destes contratos temporários ou a busca por novos profissionais, com o vínculo podemos dar mais atenção a estes, buscando a constante qualificação dos mesmos e dando continuidade a um trabalho", afirma. "Esta certeza do emprego também gera maior confiança a estes profissionais, e consequentemente, acredito, maior prazer e dedicação às tarefas do dia a dia, assim como aumenta a relação deles com as escolas e os alunos, pois de certa forma o rodízio diminui." No Ensino Fundamental são outros 20 professores e cerca de 15 monitores da educação especial. "Tínhamos casos de escolas cujo corpo docente era todo formado por professores temporários ou em regime complementar, e este cenário vai mudar bastante com os mais de 140 profissionais concursados convocados."

Ainda assim, Mallmann não descarta, conforme a demanda, ser necessário a chamada de outros concursados ainda no decorrer de 2019. "Vamos ver o início do ano letivo e onde estarão as nossas maiores necessidades. Nossa meta é diminuir a demanda da Educação Infantil", relata. Para tanto, explica, será aberta em breve uma nova turma na Emei Espaço dos Sonhos, com 16 novas vagas, e está em discussão a ampliação do atendimento de Educação Infantil na Emef Odilo Afonso Thomé. A Secretaria também realiza obras de adequação e ampliação de prédios já existentes. "Projetamos a construção de um novo e maior prédio para a Emei Girassol, no Bairro Boa União, o que vai possibilitar abrirmos mais oito turmas, além das seis já existentes. Outras duas turmas, 32 vagas, em Arroio do Ouro, com a inauguração da primeira creche no interior do município ainda no primeiro semestre." No Ensino Fundamental foram abertas uma turma por escola cujo bairro ou localidade mostrou maior demanda: Emefs Cônego Sereno Hugo Wolkmer (Bairro Auxiliadora), Pedro Jorge Schmidt (Distrito da Delfina) e Leo Joas (Bairro das Indústrias). As três somarão 50 novas vagas. "Apenas neste contexto são mais de 200 novas vagas na rede municipal de educação", completa.


Leia Também

Municipalização avança na ERS-129

15/02/2019

Há uma pré-agenda com a Secretaria de Logística e Transportes do Estado dia 20

Produtores recebem certificação de produção orgânica

15/02/2019

Cadastro permite a comercialização dos produtos para o consumidor final


Câmeras para coibir descarte incorreto

15/02/2019

Ação proposta pelo secretário do Meio Ambiente visa diminuir a quantidade de materiais acondicionados em locais impróprios

Mãe pede ajuda para custear estadia

15/02/2019

Estevan, de 5 anos, luta contra a leucemia e família precisa de ajuda financeira para permanecer em Curitiba após o procedimento