Vale do Taquari

Projeto Integração dá sua arrancada em Estrela

Iniciam atividades no turno oposto da rede municipal de ensino, agora financiado pelo governo local. Proposta escolar do projeto é apresentada a vice-prefeito

06/03/2018 - Vale do Taquari

A segunda-feira (05) foi especial para centenas de alunos da rede municipal de ensino de Estrela. Marcou o dia em que, mesmo após o término das aulas no turno da manhã, eles não precisaram voltar para suas casas, e depois do almoço, igualmente realizado no ambiente escolar de costume, seguiriam com seus amigos para uma série de atividades programadas para o turno oposto. Enquanto o Projeto Integração, todo financiado pelo governo municipal através da Secretaria Municipal de Educação (Smed) era apresentado ao vice-prefeito Valmor Griebeler, mais de 500 alunos participavam das aulas e brincadeiras nas seis escolas de ensino fundamental (Emefs) sedes.

O turno oposto funcionará, tanto na cidade como no interior, nas Emefs Professora Ruth Markus Huber; Pedro Jorge Schmidt; Cônego Sereno Hugo Wolkmer; José Bonifácio; Arnaldo José Diel e Odilo Afonso Thomé. O serviço, antes ligado ao Programa Novo Mais Educação (PNME), deixou de receber verbas federais e agora será financiado de forma exclusiva pelo Governo de Estrela, em parcerias com as secretarias municipais de Esportes e Lazer (Smel), Cultura e Turismo (Secultur) e Sesi. Por isso também a troca do nome.

Também à tarde, uma comitiva responsável pelo projeto, formada pela equipe diretiva da Smed e também as diretoras das escolas participantes, realizou visita ao vice-prefeito Griebeler. Na ocasião, foi apresentada a nova proposta curricular. Segundo a supervisora da secretaria, Adriana Schardong, o investimento realizado hoje será mesmo melhor percebido somente daqui alguns anos. "Trata-se de uma sementinha que estamos plantando hoje para que estas crianças se tornem melhores cidadãos, pais de família do amanhã", exemplifica ela, ao citar o sucesso obtido com programas semelhantes, entre eles o Escola da Inteligência. "Darmos aqui a oportunidade de estas crianças continuarem exercendo atividades sadias, em boas companhias, bem orientadas, é uma grande notícia perante um cenário onde, principalmente nas grandes cidades, quando mais se intensifica a luta contra a violência, milhares de crianças deixarão de dispor deste atendimento educacional, tão importante neste processo."

O vice-prefeito concorda. "É necessário sim seguirmos investindo e muito na educação, mesmo frente a falta de apoio cada vez maior neste sentido dos governos federal e estadual, como foi no caso do Mais Educação. Trata-se de mais um repasse das responsabilidades que também são deles, mas que assumimos integralmente", diz. "Não podemos nos opor frente a necessidade de darmos atenção, carinho, oferecer as melhores ferramentas possíveis no processo de formação do nosso cidadão do amanhã, ainda mais se desejamos seguir construindo a Estrela que queremos para todos", completa.

Conforme já adiantou em outras ocasiões, o secretário da Educação Marcelo Mallmann garante que a qualidade do que será oferecido segue inalterada, mesmo com a ausência da verba federal. "Nenhum aluno a menos em relação ao ano passado deixará de ser atendido. Temos como objetivo futuro dispormos não de uma escola com um turno extra, mas sim uma escola integral." As diretoras também ressaltam a importância do apoio do governo. "Os investimentos realizados agora para oferecermos isso às nossas crianças podem parecer altos para alguns, mas frente as suas positivas consequências no futuro são sim pequenos, temos certeza", afirma Letícia da Silva dos Santos, diretora da Emef Odilo Afonso Thomé, do Bairro Imigrantes. "Por isso também a importância de termos ao nosso lado pessoas de qualidade como as que dispomos."


Leia Também

Evento marcará inauguração de usina solar fotovoltaica na Cooperagri de Teutônia

15/05/2018

Um evento organizado pela Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), Emater/RS-Ascar e Prefeitura de Teutônia marcará a inauguração da usina solar fotovoltaica instalada na sede Cooperativa Agroindustrial São Jacó (Cooperagri), de Teutônia.

Associados da Sicredi Vale do Taquari podem contratar máquina de cartão

15/05/2018

Os interessados em se credenciar à máquina de cartões podem se dirigir a uma das agências da Sicredi Vale do Taquari ou solicitar a visita de um colaborador da cooperativa, sendo necessário ser associado da regional.


Detran promove leilão de veículos e sucatas em Lajeado nesta quarta-feira

14/05/2018

Serão ofertados 543 itens retidos administrativamente nos depósitos de Arroio do Meio, Guaporé, Encantado, Cruzeiro do Sul, Nova Bassano, Arvorezinha e Lajeado e não reclamados pelos proprietários

Aprenda a trabalhar com vendas de forma planejada

23/04/2018

Curso de Extensão, com vagas limitadas, ocorre no dia 22 de maio na Faculdade La Salle Estrela