Esportes

Smel premia a vitalidade e dedicação ao esporte

Troféu Destaques Esportivos deste ano foi entregue a 15 pessoas, todas com mais de 80 anos de idade

13/12/2017 - Esportes

Aos 88 anos, dona Ludmila Sulzbach Caye, de Novo Paraíso, é um exemplo de vitalidade e dedicação. Participante do projeto Vida Saudável, da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Smel) de Estrela, ela esteve entre os 15 agraciados pela pasta com o Troféu Destaques Esportivos. A entrega ocorreu na última sexta-feira (08.12), no Parque Princesa do Vale, com a presença de autoridades e familiares dos 15 homenageados desta edição. Todos com mais de 80 anos de idade e que, de uma ou outra forma, seguem ligados ao esporte no município. 
Uma das pioneiras do projeto Vida Saudável em Novo Paraíso, dona Ludmila tem suas limitações, mas participa das atividades sempre que pode. Gosta principalmente de fazer ginástica e alongamentos. Além disso, integra o coro e o Clube de Mães da localidade. A receita para chegar aos 88 anos com vitalidade e disposição, segundo ela, é não parar. "A gente tem que ser forte", disse, cercada de familiares após a cerimônia em que recebeu o troféu
 
Destaques Esportivos. Orgulho para a comunidade
"É um orgulho tê-los participando dos projetos (esportivos) e de eventos como a rústica e passeio ciclístico. Levamos vocês como exemplo", declarou na ocasião o secretário de Esportes e Lazer, Júlio Saldanha. O vice-prefeito Valmor Griebeler e o presidente do Legislativo, vereador Ernani de Castro, também citaram o orgulho e o legado deixado pelos homenageados. "Vocês são o orgulho de suas famílias e também o nosso, do prefeito e meu, e com certeza da nossa comunidade", afirmou o vice-prefeito. Em nome dos agraciados, Eva Fett agradeceu a homenagem e reconhecimento por parte do poder público, por meio da Smel.
O prêmio Destaques Esportivos foi criado em 2013 e a cada ano tem uma temática diferente de premiação. Já foram condecoradas equipes destaques, professores e técnicos do ramo, pessoas que se doam ao esporte e também crianças e jovens valores. A edição deste ano laureou pessoas com mais de 80 anos de idade, que seguem ligadas ao esporte no município.


Os destaques esportivos 2017

Alzira Vogel Huppes, 84 anos. Participa do projeto Vida Saudável no Bairro Boa União e pratica atividades físicas há 10 anos, sendo sua atividade favorita a ginástica. Também gosta muito de dançar!
Anna Gregory, 80 anos. Integrante do projeto Vida Saudável Imigrantes há 12 anos. Pratica atividades físicas desde os 50 anos de idade. Gosta de todos os tipos de exercícios que são realizados no projeto e também adora fazer caminhadas.
Clair Maria Scheer, 82 anos. Participante do projeto Vida Saudável há dez anos, núcleo Oriental. Gosta de viajar, participa da Liga Feminina de Combate ao Câncer, da Oase e Clube de Mães. Suas atividades físicas favoritas são ginástica e caminhadas. 
Egídio Portz, 83 anos.  Mora na localidade de São Luiz e participa do projeto Vida Saudável no Distrito de Glória, desde sua fundação. Adora atividades com bola e gosta muito de jogar câmbio. A atividade física faz com que se mantenha sempre em movimento, tornando o dia a dia mais fácil.
Eva Fett, 84 anos.  Participa de todos os passeios ciclísticos desde 2012, além de pedalar no Parque Princesa do Vale. Também faz caminhadas diariamente. Acorda cedo, às 5h30min, e vai para a academia. A atividade física faz sentir-se bem e muito mais disposta. 
Ivan Lagemann, 82 anos. Reside no Distrito de Costão e sua atividade favorita é o futebol, que pratica há 70 anos. Além disso, integra o coral, toca violão, contrabaixo e faz caminhadas diariamente, que o fazem se sentir muito bem.
Irmã Antônia Maria Pegoraro, 81 anos. Participa do projeto Vida Saudável em Novo Paraíso. Desde que ingressou no grupo sentiu melhoras na sua flexibilidade e equilíbrio e gosta dos alongamentos e dos jogos de câmbio. Quando estudante praticava voleibol e sempre fez caminhadas.
Jaci da Silva Boff, 83 anos. Há dois anos participa do projeto Vida Saudável Boa União e é usuária assídua da academia ao ar livre do bairro. Iniciou a "vida esportiva" aos 80 anos e sentiu muitas melhoras na saúde, aumentou a flexibilidade e o humor. Jaci acredita que "o esporte deve ser incentivado desde pequeno".
Lucila de Castro, 86 anos. Participa do Projeto Vida Saudável, núcleo Auxiliadora, há sete anos. Nos encontros, gosta de fazer alongamentos e as atividades com bola, o que faz sentir-se muito bem depois das aulas. Caminhadas também fazem parte de sua rotina.
Ludmila Sulzbach Caye, 88 anos.  Uma das pioneiras do projeto Vida Saudável em Novo Paraíso. Tem suas limitações, mas participa das atividades sempre que pode. Gosta principalmente de fazer ginástica e alongamentos, e toda vez que vai às aulas do projeto se sente bem e dorme muito melhor. Seu maior orgulho são os netos. Ela afirma que "não adianta sentar em casa, o que a motiva é participar de tudo que pode".
Marieta Erthal, 85 anos. Participante do projeto Vida Saudável Oriental desde sua criação, pratica atividades físicas há 20 anos. Sua preferida é a ginástica. Gosta de estar sempre em movimento e se sente muito bem.  Além de fazer bem, as atividades físicas sempre são momentos de estar com os amigos, diz.
Renita Meinerz, 81 anos. Participante do projeto Vida Saudável no Distrito de Glória, desde o início, há dez anos. Sua atividade favorita é a ginástica. A atividade física lhe proporciona bem estar, pois gosta de interagir com outras pessoas e não deixa sentir-se sozinha.
Romilda Anna Piccinini, 80 anos, participa do projeto Vida Saudável do Bairro Imigrantes há 12 anos. Vai sempre que possível e, quando não pode, diz sentir muita falta. Suas atividades favoritas são o câmbio e o caçador. Começou a praticar esportes e fazer caminhadas depois que se aposentou. 
Ruberto José Horn, 80 anos, é morador do Bairro Cristo Rei. Pratica corrida desde os 14 anos. Participou de rústicas no quartel, onde treinava sozinho nas suas folgas. Voltou a participar mais intensamente de corridas de rua nos últimos sete anos. Além das corridas, faz caminhadas e anda de bicicleta.
Wilma Fumegalli, 83 anos, participa do projeto Vida Saudável, núcleo Indústrias. Começou a praticar atividades físicas há cinco anos. Gosta de cantar, dançar e das atividades que acontecem na comunidade. Adora estar com pessoas à sua volta e por isso gosta do Vida Saudável.

Leia Também

Em casa, Grêmio vence o Atlético MG, na volta do Brasileirão

19/07/2018

Com o resultado, de 2 a 0 para o Tricolor, o Grêmio chega a 23 pontos, ocupando a quarta colocação na tabela

SER Juventude é campeã da Bocha, em Colinas

18/07/2018

A decisão da competição, que iniciou em abril, avançou pela noite de sábado, 14


Em noite festiva, Smel premia os destaques do Intercomunitários

17/07/2018

Comunidade de Arroio do Ouro foi a campeã geral da 20ª edição dos Jogos 

Grêmio foca na preparação para volta ao Campeonato Brasileiro nesta semana

16/07/2018

Na próxima quara-feira, 18, retorna ao Brasileirão, o confronto contra o Atlético MG