Ação solidária para despertar alegria

Ação solidária para despertar alegria

ESTRELA – Algumas árvores de Natal de famílias residentes no Centro de Estrela possuem um toque diferente. São enfeites feitos à mão, no papel, coloridos, confeccionados pela menina Sofia Kich, de apenas 9 anos. Mas a ação, intitulada “Pinheirinho Colorido”, vai muito além de uma simples decoração. “Tinha pensado em fazer alguns enfeites de Natal para presentear e eu e minha tata (babá) tivemos a ideia de entregar para as pessoas mais idosas. Fiz primeiro dez enfeites. Quando a gente entregou, com todos os cuidados, usando máscara e álcool em gel, uma senhora e um senhor abriram um sorrisão para gente, foi muito lindo”, lembra Sofia.
O momento emocionou a menina, que contou com a ajuda do irmão Theodoro, de 4 anos, e da babá, Luciane Dullius, para a entrega. Por isso, novos enfeites serão confeccionados e entregues. “Demorei um dia inteiro para fazer dez enfeites, mas foi muito emocionante a forma que as pessoas nos receberam. Algumas até nos deram outros enfeites de presente, por mais que a gente não quisesse nada em troca”, comenta a menina.

“Eu quase saí chorando de uma das casas, foi muito lindo ver essas pessoas que estão mais isoladas receberem algo carinhoso, uma lembrança, foi gratificante. Queríamos que essa ação levasse alegria e que incetivasse outras pessoas a realizarem esses pequenos gestos”, incentiva Luciane. Sofia é filha de Rodrigo Kich e Andréia Zwirtes Kich.

Pais orgulhosos

Mesmo sendo ainda muito nova, essa não foi a primeira ação que Sofia realizou. Kich conta que no Dia das Crianças ela doou brinquedos para crianças atingidas pela enchente, ação que contou com a ajuda de colegas de aula. Quanto à ação de Natal, ele explica que durante caminhadas pelo Centro a filha notou que os idosos estavam “tristonhos”. “Ela disse que durante a entrega algumas pessoas perguntaram para ela o que queria em troca do enfeite e ela dizia: só um sorriso. Foi muito lindo”, completa.

 

Deixe uma resposta